terça-feira, 14 de novembro de 2017

Defeso da Sardinha


CAF – Cananéia Artes e Fibras participa de intercâmbio, realiza produção e planeja retirada de matéria-prima

A CAF – Cananéia Artes e Fibras participou da Mostra “Mosaico dos Saberes”, no SESC – Serviço Social do Comércio na cidade de Registro, nos dias 28 e 29 de outubro, sábado e domingo, sendo este um espaço que busca estimular boas práticas de intercâmbio de ideias e reflexão sobre a importância da conservação de meio ambiente e da cultura local. Já no dia nove de novembro, quinta-feira, a artesã do Grupo, Valkíria Monteiro Pereira, visitou um sítio na divisa entre as cidades de Cananéia e Pariquera-açu, para conversar sobre a possibilidade da retirada de taboa no local, com o objetivo de dar continuidade à produção das peças em fibra de taboa. Além disso, desde o início do mês de novembro, a CAF vem produzindo sacos de pão para serem expostos e comercializados na VII Feira de ECOSOL – Economia Solidária em Cananéia, que acontecerá na Praça Theodolina Gomes de Souza (Tiduca), nos dias 15, 16 e 17 de dezembro, com a realização da Associação Rede Cananéia.

Associação Grupo Cultural Tiduca

Por Liliana Soares
A Associação Grupo Cultural Tiduca trabalha sem cessar para que a disseminação da cultura possa acontecer. O Grupo de Dança Africana vem ensaiando com afinco para fazer uma linda apresentação no dia 20 de novembro, data esta que é celebrada o Dia da Consciência Negra, onde a AGCTIDUCA, fará a ação “Dia da Consciência Humana”, que será realizada na Praça Theodolina Gomes, a partir das 9h, com a Missa Afro e no período da tarde, a partir das 14h, com Roda de Conversa com temas pertinentes a todos e Intervenções Culturais. No último dia 11 de novembro, o líder da Comunidade Jongo Tiduca esteve presente em uma reunião no IPHAN – Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional. Esta reunião contou com Mestres e Lideranças das Comunidades Jongueiras do Estado de São Paulo e representantes do Instituto, um dos assuntos tratados foi o “IX Encontro de Jongueiros Paulista” que acontecerá em agosto de 2018, na Cidade de Cananéia, realizado pela Comunidade Jongo Tiduca e Associação Grupo Cultural Tiduca. Aproveitando o momento na Superintendência do IPHAN, Daniel Rodrigues entregou o livro “Comunidade Negra do Rocio – Redescobrindo Nossas Raízes Jongueiras”, escrito pelos Jovens Tiduqueiros. O Bloco Cultural Tiduca já está fazendo seus ensaios para o Carnaval e desta vez homenageará o Estado da Bahia, levando para a Avenida Beira Mar muito samba reggae e todo o encanto da “Bahia de Todos os Povos”.

quarta-feira, 18 de outubro de 2017

Grupo São Gonçalo realiza Oficina na Escola da Família da Escola Yolanda durante festa em comemoração ao Dia das Crianças

O Grupo de Fandango Batido São Gonçalo, por meio do membro Amir Oliveira Garcia Filho, participou da Festa de Dia das Crianças do PEF – Programa Escola da Família da Escola Estadual “Professora Yolanda Araújo Silva Paiva”, da DER REG – Diretoria de Ensino da Região de Registro, realizada, no 14 de outubro, das 13h às 17h, contando com um público de aproximadamente 300 pessoas. Muitas atrações foram oferecidas ao público presente. Entre as atividades recreativas esteve a parceria do Grupo São Gonçalo com a Oficina de Fita Arco-íris (desenvolvida pelo parceiro e artesão Amir Oliveira Garcia Filho), com a participação de cerca de 30 crianças, entre 14h e 16h.

Salvaguarda do Fandango Caiçara

Por Amir Oliveira Garcia Filho
Nos dias de 12 a 15 de outubro aconteceu a mobilização e articulação para a salvaguarda do nosso Fandango Caiçara, com o objetivo de mobilizar fandangueiros para a construção do plano de salvaguarda. Dessa forma, aconteceram reuniões, oficinas e apresentações culturais no palco Arte e Cultura, na Praça Theodolina Gomes (Tiduca), com a participação de grupos de Cananéia, Paranaguá e Ubatuba. Fica aqui o nosso agradecimento aos organizadores; pretende-se iniciar a consolidação de um Comitê Oficial e a construção do plano de salvaguarda, tornando-se um importante espaço de intercâmbio e aproximação entre os diversos atores que compõem o universo do fandango. Ô de casa! Mobilização e articulação para a salvaguarda do fandango caiçara. 2017.

Cheiro do Mato participa de evento e ministra Oficina

Por José Irene dos Santos
Nos últimos dias sete, oito, nove e dez de setembro, foi realizada a VI Festa do Pescador no Bairro Porto Cubatão e, como sempre, os organizadores do evento, cederam um espaço para que o Grupo Cheiro do Mato – Produtos Naturais com Plantas Medicinais do Itapitangui montasse sua barraca para comercialização na festa. José Irene dos Santos e Antonia Aires participaram dos quatro dias de evento. O Grupo agradece aos organizadores e ao locutor Índio, que durante todo o tempo anunciou os produtos do Grupo. Além disso, o Cheiro do Mato foi convidado pela comunidade do Mandira, para ministrar uma Oficina no dia dois de outubro para 40 participantes de um intercâmbio, com cinco grupos do Paraná, entre estudantes da área rural, biólogos e professores de turismo rural e comunitário.